I.M.A.
sol
Instito Mágico da Aprendizagem
  • Intenção de matrícula
  • Estrela
  • Estrela
  • Material pessoal
  • Estrela
  • Informativo
Informativo

PROJETO AMBIENTAL 2020 COM ANA GLÓRIA NUNES

Em 03/03/2020

Projeto Ambiental 2020 -
Escola IMA & Ana Glória Nunes (Educadora Ambiental e Engenheira Florestal)



  Importância da educação ambiental na escola: A assessoria ambiental na escola consiste, em junto à comunidade
escolar, a construção de um projeto com base na educação ambiental para
reestruturar ambientes de forma sustentável.



A premissa maior da educação ambiental é a importância e o cuidado com a
terra, pois é ela quem promove a continuidade de todos os sistemas de vida.



Esse cuidado e respeito deve se refletir em nossas rotinas diárias, com
decisões responsáveis e atitudes que valorizam a vida, usando os recursos de
forma adequada, evitando o consumismo e o desperdício.



A educação ambiental é fundamental para uma conscientização das pessoas
em relação ao mundo em que vivem para que possam ter cada vez mais qualidade de
vida sem desrespeitar o meio ambiente. O maior objetivo é tentar criar uma nova
mentalidade com relação a como usufruir dos recursos oferecidos pela natureza,
criando assim um novo modelo de comportamento, buscando um equilíbrio entre o
homem e o ambiente.



 Objetivos:



        Transformar a área de
horta um em espaço produtivo interativo e pedagógico com um maior rendimento na
produção de alimentos para que os mesmos abastecem a cozinha ou atividades
interativas.



  Inserir práticas
sustentáveis dentro da comunidade escolar e práticas de manejo de resíduos
sólidos e líquidos. (compostagem de todo resíduo orgânico)

   Inserir no currículo
atividades relacionadas a educação ambiental através de oficinas didático
pedagógicas para toda a comunidade escola.



 Ação 1: Manejo da horta
escolar. (Março)



Ação 2: Oficina ?Conhecendo
abelhas sem ferrão?. (Maio)



Ação 3: Espiral de ervas, PANCS
e flores comestíveis. (Agosto)



Ação 4: Cisterna escolar.
(Setembro)



 Ação 5: Instalação da Cabana Verde. (Outubro)



 Ação 1: Manejo da horta
escolar: 
Consiste em remanejar a horta, limpar, adubar e replantar, onde todas as
turmas vão estar com a mão na massa para ativação e rodízio dos canteiros para
o início de um novo ano produtivo. Na ação iremos fazer uso de uma nova técnica
de adubação e um novo consórcio de plantio ampliando cada vez mais as
possibilidades de uso da nossa horta. 
A limpeza, cuidado e reconhecimento das espécies, bem como, o
envolvimento dos novos alunos com a horta pedagógica.



 Ação 2: Oficina conhecendo
abelhas sem ferrão: 
A oficina tem como objetivo de conhecer a vida das abelhas nativas, além
de desmistificar conceitos sobre as mesmas. 
Além de repassar o máximo de conhecimento sobre as abelhas sem ferrão,
ensinar como reconhecer uma, porquê são tão importantes no ecossistema e seu
protagonismo na polinização das produções orgânicas. Na oficina será abordado a
história das abelhas, tipos, quantidades entre outras curiosidades. 
Será trabalhado com caixas de abelhas o funcionamento da colmeia ?
explicação sobre o enxameação, uma breve passagem sobre conceitos de criação de
abelhas em caixas e troncos, (amostragem de cera, própolis, verniz e diversos
tipos de mel, de várias abelhas diferentes).



 Ação 3: Espiral de ervas: A proposta é ampliar o espaço produtivo na escola com as espirais de
ervas, temperos, plantas alimentícias não convencionais e muitas flores
comestíveis. 
As espirais são técnicas muito eficientes e produção, além de serem
esteticamente lindas, elas possuem muitos benefícios: possibilita a produção de
muitas espécies em um só lugar pois sua disposição favorece uma matriz de
microclimas. Delimita naturalmente o espaço de crescimento das plantas. Otimiza
a eficiência da água. Trabalha padrões geométricos agradáveis e naturais. É
fácil de manter e eficiente em manejar.



 Ação 4: Cisterna escolar -
captação da água da chuva: 
A ideia é construir uma sistema de captação de água da chuva para o seu
uso na rega do jardim. Aproveitando de maneira correta um recurso renovável,
além de trabalhar a temática ciclo da água com toda comunidade escolar.
Trazendo mais um princípio ecológico para dentro do IMA, tornando cada dia mais
sustentável. 
Esta prática simples e
ecologicamente correta, além de dar exemplo e educar, incentiva alunos,
professores e toda a comunidade a conviver de maneira cada vez mais
sustentável, criando uma consciência ecológica e ambiente agradável para toda
comunidade. As cisternas são instalações fáceis de fazer e garantem um retorno
muito positivo em todos os sentidos.
  O
uso dos recursos naturais de maneira correta garante o aprendizado na prática
sobe os ciclos naturais e como é importante a preservação do meio. 
A cisterna funciona da
seguinte maneira: a água da chuva é levada pelas calhas a um filtro, que
eliminará mecanicamente impurezas, como folhas ou pedaços de galhos. Um freio
d'água impede que a entrada de água na cisterna agite seu conteúdo e suspenda
partículas sólidas depositadas no fundo. Essa água depositada irá servir para
irrigar as plantas garantindo também a saúde das mesmas já que água da chuva
não possui propriedades químicas como a água tratada da rede. 
Por ser proveniente da
chuva, a água obtida não é considerada potável (por poder conter desde
partículas de poeira e fuligem, até sulfato, amônio e nitrato), portanto, não é
adequada para consumo humano. Ainda assim, pode ser usada nas tarefas
domésticas que mais consomem água, como lavar a calçada, o carro e até no vaso
sanitário. 
Essa água reservada
também ajuda em tempos de crises hídricas. Além de todos esses benefícios,
utilizar a água das chuvas pode fazer com que os problemas como enchentes sejam
minimizados. Como o escoamento superficial da água será menor, consequentemente
menos água será acumulada. 
Assim,
educamos para a coletividade e
a importância do manejo
correto da água.



 Ação 5:  Instalação da CABANA VERDE: Criar um espaço lúdico e interativo envolvendo formas e elementos
naturais na construção de uma cabana no jardim da escola. Que ao invés de ter
paredes artificiais terá uma parede verde. 
O uso de técnicas alternativas dentro das construções trás de forma sutil a temática das bioconstruções, que englobam diversas
técnicas da arquitetura vernacular mundial, algumas delas com centenas de anos
de história e experiência, tendo como característica a preferência por
materiais do local, como a terra, ou plantas diminuindo gastos com fabricação e
transporte e construindo habitações com custo reduzido e que oferecem excelente
conforto térmico. Com isso podemos trabalhar com as crianças diversos temas, de
soluções ecológicas unidas a muita criatividade e diversão.


Rua Amazonas, 2055 - 89021-001 - Garcia - Blumenau - SC - Como chegar? - Fone: (47) 3222-3681